0

Sua sacola está vazia.

Product was successfully added to your shopping cart.

Conheça o novo lançamento de Augusto Cury - Soluções Pacíficas de Conflitos - Para um Brasil moderno

“Conheça a ti mesmo para pacificar os conflitos”. Essa é uma das primeiras lições do livro Soluções Pacíficas de Conflitos para um Brasil Moderno, em que Augusto Cury e grandes nomes do Direito escrevem sobre formas de evitar o excesso de judicialização.

Conheça o novo lançamento de Augusto Cury - Soluções Pacíficas de Conflitos - Para um Brasil moderno

Soluções Pacíficas de Conflitos são cada vez mais necessárias diante da multiplicação de disputas judiciais envolvendo relações interinstitucionais e interpessoais, que têm sobrecarregado o Sistema de Justiça. Mediação e arbitragem tornam-se meios alternativos de resolução de conflitos empregados pela utilização de mecanismos e métodos, como o diálogo e o consenso.

Augusto Cury

Neste importante livro organizado por Augusto Cury, a psiquiatria e a psicologia entram no ninho das ciências jurídicas, passando pela Teoria da Inteligência Multifocal (TIM), e declaram que é fundamental conhecer minimamente o funcionamento da mente dos atores — que são agentes causadores dos conflitos —, e dos personagens — que são vítimas —, bem como dos profissionais que atuam no Sistema Judiciário, como promotores, juízes, advogados, policiais civis e militares, todos envolvidos nesse complexo processo de interpretação da realidade e pacificação dos conflitos existentes na sociedade.

A obra ainda apresenta tópicos essenciais, como Gestão da Emoção, Conflitos de interesses não canalizados para o Poder Judiciário, A SPA – Síndrome do Pensamento Acelerado – e a expansão dos conflitos na era moderna, entre tantos outros assuntos. São 347 páginas em que Augusto Cury e grandes juristas apresentam reflexões sobre o conflito e seu enfrentamento, o papel do Judiciário na nova era e discussões sobre conflito e democracia.

Para comprar o seu exemplar agora, clique aqui.

Fonte: GENJurídico.com.br

Categoria: Notícias

Comment form has been disabled.